1967 – Compacto Simples

Lado A: O Ruy Taí
(Manoel Ferreira e Gentil Junior)

      O Ruy Taí

Zé, o Ruy taí
Diga pra ele que
A mulher dele
Tá aqui

Zé, o Ruy taí
Diga pra ele que
A mulher dele
Tá aqui

Mentira que foi roubada,
Conversa que foi ladrão
Coitado dormiu na rua
Mas não houve nada não!


Lado B: Tanque Cheio
(Ruth Amaral – A Brasilino)

      Tanque Cheio

Eu nunca vi carro andar sem gasolina
Nem festa de pobre que não tenha pinga

Eu nunca vi carro andar sem gasolina
Nem festa de pobre que não tenha pinga

É pinga pra cá,
É pinga pra lá,

Se o mundo terminar em pinga,
Bebendo pinga quero me afogar!